Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Isaías 9:6

Conclamação

Todos os textos aqui postados são de minha autoria, salvo aqueles em que estiverem as devidas referências bibliográficas e links.
Devemos ser originais em nossas colocações, mas não imaginários e sim embasados tão somente nas sagradas escrituras e respaldados pela lingüística, ciência, história e legislação humana.




Direitos do Blog

O blog Jesus Cristo Príncipe da Paz tem seus direitos respaldados nos incisos IV, VI e IX do artigo 5º da Constituição Federal, abaixo transcritos:



IV – “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”

VI – “É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos, salvo o dos que contrariem a ordem pública ou os bons costumes.”

IX – “é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença”.



Respalda-se também Lei nº. 9610, de 19/02/1998, que rege o seguinte:

Art. 46: Não constitui ofensa aos direitos autorais:– a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e obra.





Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos - Lucas 9:57-62


"E aconteceu que, indo eles pelo caminho, lhe disse um: Senhor, seguir-te-ei para onde quer que fores.
E disse-lhe Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu, ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça.
E disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá a enterrar meu pai.
Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu vai e anuncia o reino de Deus.
Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa.
E Jesus lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus."

(Lucas 9:57-62)


Nesta passagem vemos Yeshua ensinar que devemos priorizar as coisas de Deus, para tanto ele demonstrou que aquilo que era prioridade para cada um dos homens que lhe falaram, era menos importante do que segui-lo. 

"E Yeshua  lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus."

Porém o objetivo da presente postagem é trazer luz, sobre uma das falas de Yeshua:

"Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos;" 

Num primeiro momento pode parecer que o Senhor, foi inflexível e rude, afinal tratava-se do pai do discípulo que lhe abordara. Mas na verdade, de acordo com o contexto judaico, as coisas não são bem o que parecem.

Diferente do que estamos acostumados, na tradição judaica, e de acordo com a Torah,  após a morte segue-se o sepultamento (no mesmo dia), e o luto (Aninut), ou seja, não há a pratica de velar o corpo do morto.Dentro do judaísmo há uma lei de luto (Shivá) e ela rege dentre outras coisas 7 dias sem sair de casa.O luto decorre até 01 ano. Portanto: Quando o jovem falou com Yeshua, seu pai não poderia estar morto, do contrário ele estaria quebrando um mandamento (Shivá), 
A expressão: "Deixa-me que vá enterrar meu pai", significa: "Deixa-me cuidar do meu pai (seus interesses) até que ele morra". E a resposta de Yeshua, "Deixa os mortos o enterrar os seus mortos", tem o significado conotativo de: "Deixe os mortos espiritualmente cuidar dos outros mortos espiritualmente (seus interesses)", isto porque segundo o que podemos aferir do texto, o único da casa do discípulo a buscar Yeshua, era ele próprio (seria no caso o vivo, por causa dessa busca). 

Concluindo, este dialogo ficou no âmbito metafórico e não literal, Yeshua não foi duro, mas sábio.


Shalom Aleichem !!



by Vanderlei L. Borkoski



0 comentários: