Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Isaías 9:6

Conclamação

Todos os textos aqui postados são de minha autoria, salvo aqueles em que estiverem as devidas referências bibliográficas e links.
Devemos ser originais em nossas colocações, mas não imaginários e sim embasados tão somente nas sagradas escrituras e respaldados pela lingüística, ciência, história e legislação humana.




Direitos do Blog

O blog Jesus Cristo Príncipe da Paz tem seus direitos respaldados nos incisos IV, VI e IX do artigo 5º da Constituição Federal, abaixo transcritos:



IV – “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”

VI – “É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos, salvo o dos que contrariem a ordem pública ou os bons costumes.”

IX – “é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença”.



Respalda-se também Lei nº. 9610, de 19/02/1998, que rege o seguinte:

Art. 46: Não constitui ofensa aos direitos autorais:– a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e obra.





Pecado para a morte e pecado que não é para a morte


Certa vez foi questionado por um irmão, se uma pessoa que já aceitou a Jesus como seu Senhor, congrega na igreja, mas que peca e tem conciência de seus pecados, se essa pessoa em questão morrendo perde a salvação ou ainda assim é resgatado pela graça.
Lhe respondi que infelizmente ele perde a salvação. Vejamos o por quê :


“Se alguém vir pecar seu irmão,pecado que não é para morte, orará, e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para morte. Há pecado para morte, e por esse não digo que ore.

Toda a iniqüidade é pecado, e há pecado que não é para morte."

Jo 5:16-17

 
Quando nos somos redimidos por Cristo, saímos da natureza Adâmica (pecador) (“Rm 5:12, Rm 5:19 , Rm 3:23”) e passamos a ter a natureza de Cristo (sem pecado)  (”Rm 8:1,   II Co 5:17”)

Mas continuamos sendo homens, falhos, sujeitos ao erro. ( Rm 7:15-21)

O que muda então?

Antes de sermos selados em Cristo, não somos pecadores porque pecamos, mas pecamos porque somos pecadores (por natureza)  (Rm 5:12)
 
Depois de sermos selados, eventualmente, pecamos por atos, pensamentos e palavras. Basta então confessarmos nossos pecados ao Senhor e abandonar o erro. ( I Jo 2:1)

 
No entanto isso só se aplica aos pecados involuntários, ou seja, aqueles que cometemos sem intenção.

Por exemplo:

Estou no trânsito e me irrito com outro motorista, e quando dou por mim, o ofendi ou lhe desejei mal.

Ou ainda, fico com raiva de alguém porque fui mal atendido em órgão público, ou em uma loja, ou em outra circunstância sinto ira (Ef 4:26) ou deixo de fazer o bem estando ao meu alcance (Tg 4:17) , etc.

Os pecados para a morte são diferentes, são os pecados premeditados (voluntários)

Por exemplo: 

Conheço uma mulher linda e a desejo (sendo Eu casado), a partir daí planejo uma forma de possuí-la, então vou lá concluo meu intento.

Esse foi um pecado voluntário, a princípio senti o desejo (carnal), mas ao invés de abandonar o desejo, preferi amadurecer o sentimento e consumar, nesse momento passou a ser um ato voluntário.

Dentro da Igreja há muitos líderes que levam uma vida dupla, e isso é sim motivo para perderem a salvação.

Caso morram na prática do pecado voluntário, não herdarão o Reino de Deus.
 
  "Porque, se pecarmos voluntariamente, depois de termos recebido o conhecimento da verdade, já não resta mais sacrifício pelos pecados,
Mas uma certa expectação horrível de juízo, e ardor de fogo, que há de devorar os adversários."



Hb 10:26-27

A graça é o favor de Deus aos homens, mas para tanto é necessário abandonar o pecado. Do contrário novamente o Cristo é crucificado. (Hb 6:4-6)

Em Mateus 7 , Lemos sobre obreiros que na autoridade que há no Nome de Cristo, fizeram obras, supostos homens de Deus, homens esses que tiveram fé para exercer o Ministério, mas não andaram conforme os ensinamentos de Cristo, foram apenas obras mortas.

"Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.
 Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome  não fizemos muitas maravilhas?

E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.”

Mt 7:21-23

Em suma irmãos, se estivermos pecando consciente perderemos a salvação caso não nos arrependamos sinceramente e a tempo..

“Porque diz: Ouvi-te em tempo aceitável E socorri-te no dia da salvação; Eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação.


II Coríntios 6 : 2



Shalom Aleichem !








O Espírito Santo


O que em geral se sabe sobre o Espírito Santo de Deus está atrelado a crença trinitarista, dogmatizada pela Igreja Católica Apostólica Romana.. O Espírito é entendido como Deus assim como o Pai e o Filho, mas é correta essa interpretação?

 Vejamos:

"Mas, quando vier o Consolador, que eu da parte do Pai vos hei de enviar, aquele Espírito de verdade, que procede do Pai, ele testificará de mim."

João 15:26

O Espírito Santo procede do Pai,ou seja, tem sua origem no Pai, assim como o Cristo.

 "E, respondendo o anjo, disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; por isso também o Santo, que de ti há de nascer, será chamado Filho de Deus."

Lc 1:35

 "O anjo respondeu: “O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com a sua sombra. Assim, aquele que há de nascer será chamado Santo, Filho de Deus"

Lc 1:35 (Nova Versão Internacional)

Deus (Jeová) gerou a Jesus (O verbo) na carne através de Seu poder (o Espírito Santo).

O Espírito Santo é um com Deus (Jeová), o que não implica que seja um Deus em uma trindade, mas sim a manifestação de um único Deus.

Ele (O E.S) é presente nos homens desde sua criação, sendo que na Antiga Aliança estava sobre os homens e na Nova Aliança habita nos homens.

Sempre que os profetas falaram foi pela inspiração do Espírito Santo, ou seja, pelo próprio Deus. (II Pe 1:21)

 Observe os seguintes exemplos:


"Então ouvi a voz do Senhor, conclamando: “Quem enviarei? Quem irá por nós?” E eu respondi: Eis-me aqui. Envia-me!
Ele disse: “Vá, e diga a este povo: “Estejam sempre ouvindo, mas nunca entendam; estejam sempre vendo, e jamais percebam."

Isaías 6:9

 "Discordaram entre si mesmos e começaram a ir embora, depois de Paulo ter feito esta declaração final: “Bem que o Espírito Santo falou aos seus antepassados, por meio do profeta Isaías:
“ ‘Vá a este povo e diga: Ainda que estejam sempre ouvindo, vocês nunca entenderão; ainda que estejam sempre vendo, jamais perceberão."

Atos 28:25-26

Fica claro que o Senhor falava através de Seu Espírito.

“Esta é a aliança que farei com a comunidade de Israel depois daqueles dias”, declara o Senhor: “Porei a minha lei no íntimo deles e a escreverei nos seus corações. Serei o Deus deles, e eles serão o meu povo.

Jr 32:33


"O Espírito Santo também nos testifica a este respeito. Primeiro ele diz:
 “Esta é a aliança que farei com eles, depois daqueles dias, diz o Senhor. Porei as minhas leis em seu coração e as escreverei em sua mente”"

Hb 10:15-16

O Espírito de Deus fala com o Nosso Espírito (que também provém de Deus).

"O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de Deus."

Rm 8:16

Observe que o Espírito de Deus é parte de Deus como o espírito do homem é parte do homem, sem que necessariamente sejam distintamente homem e espírito.

"Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus."

I Co 2:11

Jesus é a fiel Testemunha (do Pai) "Ap 1:5, Ap 3:14" e de mesma sorte o Espírito Santo é a fiel Testemunha do Filho (Jesus) "Jo 5:32"



E de que forma é o Testemunho do Espírito Santo?

O Espírito Santo quando derramado pelo Pai sobre a carne (homens), os capacita a serem as Testemunhas de Cristo por todos os lugares, ou seja, o Testemunho do Espírito Santo é dado através da pregação do Evangelho.

 "Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra."

Atos 1:8

E ninguém Testemunha que Jesus é o Senhor senão pelo Espírito de Deus.

"Portanto, vos quero fazer compreender que ninguém que fala pelo Espírito de Deus diz: Jesus é anátema, e ninguém pode dizer que Jesus é o SENHOR, senão pelo Espírito Santo."

I Co 12:3


A esmagadora maioria dos Cristãos contemporâneos crêem em um trindade compostas pelo Pai, o Filho e o Espírito Santo.
Mas essa crença não é a que os Apóstolos e discípulos de Jesus compartilhavam no princípio da Igreja, mas nasceu com o advento do Catolicismo (325 d.C - no Concílio de Nicéia). Em momento mais oportuno farei uma postagem sobre a origem da crença trinitarista.
Mas o presente comentário é apenas para explanar melhor o entendimento sobre o Espírito Santo.

Não afirmo que o Espírito Santo seja apenas uma "força ativa", mas tão pouco um ser divino distinto que com outros dois seres seja um ser composto.

Para atestar que o Espírito Santo seja Deus (e não parte de Deus), usam passagens como estas:



"Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas:" (Ap 2:7 a) ;

"E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis." (Rm 8:26) ;

 "Mas o Conselheiro, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, lhes ensinará todas as coisas e lhes fará lembrar tudo o que eu lhes disse."

Jo 14:26

Num primeiro momento pode parecer que isso seja prova suficiente que o Espírito Santo seja um ser afinal, ele intercede, fala, ensina, etc.

Mas a bem da verdade isso é somente um recurso lingüístico empregado pelos escritores do Novo Testamento, Dá-se o nome de Antropomorfismo.


Crença ou pensamento que atribui formas ou atributos humanos a entidades abstratas ou seres não humanos.

Dicionário Aurélio. 

O mesmo sucede em passagens como está, onde o recurso lingüístico é antropopatia.
"Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção. "

Ef 4:30

 Antropopatia é a atribução de sentimentos humanos a Deus. Observando que Deus é Espírito e não possui sentimentos iguais aos humanos, essa é uma forma que o homem usa para aproximar do seu entendimento os sentimentos de Deus.

Wikipédia 

No Antigo Testamento havia a presença do Espírito Santo (Espírito de Deus) como já atestei, mas não havia o emprego de atributos humanos para se referir a ele. Isso porque tal prática é neo-testamentaria.

E disse Faraó a seus servos: Acharíamos um homem como este em quem haja o espírito de Deus? 

Gênesis 41 : 38

E, levantando Balaão os seus olhos, e vendo a Israel, que estava acampado segundo as suas tribos, veio sobre ele o Espírito de Deus.

Números 24 : 2

E, chegando eles ao outeiro, eis que um grupo de profetas lhes saiu ao encontro; e o Espírito de Deus se apoderou dele, e profetizou no meio deles. 

I Samuel 10 : 10

Então enviou Saul mensageiros para trazerem a Davi, os quais viram uma congregação de profetas profetizando, onde estava Samuel que presidia sobre eles; e o Espírito de Deus veio sobre os mensageiros de Saul, e também eles profetizaram. 

I Samuel 19 : 20

Então foi para Naiote, em Ramá; e o mesmo Espírito de Deus veio sobre ele, e ia profetizando, até chegar a Naiote, em Ramá. 

I Samuel 19 : 23

E o Espírito de Deus revestiu a Zacarias, filho do sacerdote Joiada, o qual se pôs em pé acima do povo, e lhes disse: Assim diz Deus: Por que transgredis os mandamentos do SENHOR, de modo que não possais prosperar? Porque deixastes ao SENHOR, também ele vos deixará.

II Crônicas 24 : 20

O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida. 

Jó 33 : 4

Vê. O Espírito Santo no Antigo Testamento está sempre associado a profecia, ao poder de Deus.Não lhe é atribuído sentimentos ou atos humanos.E ainda assim é o mesmo Espírito.

O que quer dizer "outro consolador" (Paracleto) - Allos (semelhante) -

"E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre;"

Jo 14:16

Outro - significa "de mesma qualidade e mesma essência" em grego. 

Outro como Jesus. Em que sentido? Outro Deus? Não, o Espírito Santo, assim como Jesus procedem do Pai, e não compõe um único Deus com o Pai. Simples Assim.

Quem ressuscitou a Jesus? 

O Espírito Santo ressuscitou a Jesus ;

"E, se o Espírito daquele que dentre os mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dentre os mortos ressuscitou a Cristo também vivificará os vossos corpos mortais, 
pelo seu Espírito que em vós habita." Rm 8:11

Deus ressuscitou a Jesus ;

"PAULO, apóstolo (não da parte dos homens, nem por homem algum, mas por Jesus Cristo, e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos), " Gl 1:1
Jesus ressuscitou por si mesmo ; 

"Jesus respondeu, e disse-lhes: Derribai este templo, e em três dias o levantarei." Jo 2:19 

"Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que 
esteja morto, viverá;"  João 11 : 25

Em suma, Jesus ressuscitou a si mesmo através do poder de Deus que nele habitava, ou seja Seu Espírito Santo.

O único pecado sem perdão é blasfemar contra o Espírito Santo.

O que significa blasfemar? 

Blasfêmia

Palavras que ultrajam a divindade, a religião, ou  pessoa ou coisa respeitável.

Por conseguinte blasfemar é proferir palavras ultrajantes.

Por isso Jesus disse:

"E a todo aquele que disser uma palavra contra o Filho do homem ser-lhe-á perdoada, mas ao que blasfemar contra o Espírito Santo não lhe será perdoado."

Lc 12 : 10

"Qualquer, porém, que blasfemar contra o Espírito Santo, nunca obterá perdão, mas será réu do eterno juízo"

Mc 3 : 29



Blasfemar contra o Espírito Santo é o mesmo que blasfemar contra o próprio Deus.

"Não tomarás o nome do SENHOR teu Deus em vão; porque o SENHOR não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão." 

Ex 20:7


Blasfemar contra o Espírito Santo é negar ao próprio Deus, por isso Jesus disse que aquele que blasfemar contra ele (homem) será perdoado, mas blasfemar contra o poder de Deus com que atuava (Espírito Santo) é o mesmo que caluniar, o próprio Deus e para esse não há perdão.


Eis o contexto:


Jesus expulsara demônios, e o acusaram de fazê-lo pelo poder de Belzebu.


"E os escribas, que tinham descido de Jerusalém, diziam: Tem Belzebu, e pelo príncipe dos demônios expulsa os demônios."  Mc 3:22 

Jesus deixou claro que não era a ele que ofendiam mas ao próprio Deus.

 "Qualquer, porém, que blasfemar contra o Espírito Santo, nunca obterá perdão, mas será réu do eterno juízo (Porque diziam: Tem espírito imundo)." Mc 3:29-30





Em suma,

O Espírito Santo não é Deus, mas o próprio Deus (seu poder manifesto) ;

Jesus é o Espírito Santo são um com o Pai, ,mas isso não compõe um Deus em três e tão pouco três deuses em um ;

Tanto Jesus como o Espírito Santo são procedentes do Pai.

" Há um só corpo e um só Espírito, assim como a esperança para a qual vocês foram chamados é uma só; 
há um só Senhor, uma só fé, um só batismo,
um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, por meio de todos e em todos."

Ef 4:4-6

Nota: Leia também Jesus Cristo o homem e a próxima postagem sobre a Trindade Cristã.


Nota: Não sou Testemunha de Jeová, mas sim Testemunha de Cristo.(At 1:8)

Nota: Há outros aspectos do Espírito Santo como por exemplo os dons espirituais, ou a tipologia do Espírito (óleo, pomba, fogo, selo, penhor) que não foram aqui abarcados, mas que são de suma importância cabendo sua explanação a uma futura postagem.



Shalom Aleichem !






Anjos e demônios

 

Bem sei que este assunto é de conhecimento da maioria dos cristãos, mas considero ainda assim um assunto digno de explanação. As questões que serão abarcadas são: O que são os anjos, como é sua aparência, tem de fato poder, são maiores ou menores que os homens, dentre outras questões.

Vamos as Escrituras:

O que são os anjos:


A definição que temos sobre os anjos é que são espíritos. E os mesmos são enviados por Deus a favor dos eleitos. (Sl 103:20)



"Não são porventura todos eles espíritos ministradores, enviados para servir a favor daqueles que hão de herdar a salvação?”

Hebreus 1 : 14

Existe uma doutrina que afirma que temos "anjos da guarda”, é correta essa afirmação?

"O anjo do SENHOR acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra.”
 
Salmo 34:7

"Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.
Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.
Eles te sustentarão nas suas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra.
"

Salmo 91:10-11

A bem da verdade não há um anjo específico para cada ser humano, não obstante os anjos de Deus de fato guardam os homens, mas não a
todos, tão somente os que TEMEM AO SENHOR.

A citação do Salmo 91 foi usada por Satanás para tentar a Jesus, conclamando o direito que lhe cabia (a Jesus) de evocar Seus anjos para que viessem a Seu auxilio.Mas Jesus o refutou também lançando mão das Escrituras.

"E disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces em alguma pedra."

Mateus 4 : 6

Mas de fato os anjos viriam prestar socorro  a  Jesus se essa fosse sua vontade, conforme podemos observar pelas suas próprias palavras em outro momento de extremo perigo.

"Ou pensas tu que eu não poderia agora orar a meu Pai, e que ele não me daria mais de doze legiões de anjos?"

Mateus 26:53


Os anjos são maiores que os homens, tem eles de fato poder?

Sem sombra de dúvida, são maiores em termo de poder, e esse poder é manifesto em diversos momentos nas Escrituras.

"Que é o homem mortal para que te lembres dele? e o filho do homem, para que o visites?
Pois pouco menor o fizeste do que os anjos, e de glória e de honra o coroaste."

Salmo 8:4

Um único anjo foi suficiente para destruir o exército dos Assírios, foi responsável pela morte de não menos que cento e oitenta e cinco mil homens em apenas uma noite.

"Então saiu o anjo do SENHOR, e feriu no arraial dos assírios a cento e oitenta e cinco mil deles; e, quando se levantaram pela manhã cedo, eis que todos estes eram corpos mortos. "

Isaías 37 : 36

Confira também: Ap 18:1, Ap 19:17

Nota: Há uma doutrina que assevera que o "Anjo do Senhor" é a teofania de Jesus Cristo na Antiga Israel. Não descarto essa possibilidade

Qual a aparência dos anjos? 

Os anjos são seres magníficos e de grande esplendor conforme nos atesta a Bíblia e muito semelhantes a Cristo em sua forma atual.(Ap 14:14)

"E levantei os meus olhos, e olhei, e eis um homem vestido de linho, e os seus lombos cingidos com ouro fino de Ufaz;
E o seu corpo era como berilo, e o seu rosto parecia um relâmpago, e os seus olhos como tochas de fogo, e os seus braços e os seus pés brilhavam como bronze polido; e a voz das suas palavras era como a voz de uma multidão.
"

Daniel 10:5-6

Esse foi o anjo visto por Daniel, muitos afirmam tratar-se de Jesus, mas essa possibilidade é nula, pois esse anjo não pode entregar a mensagem a Daniel, necessitando do socorro de Miguel para cumprir sua missão. É inconcebível a possibilidade de Jesus ser menor que Miguel em poder e tão pouco que um demônio de Satanás.


A semelhança existente entre ambos é devido ao corpo celestial que difere do corpo mortal. (I Co 15:40)


"E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro.
E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo;
E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas.
E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece.
 E eu, quando vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último;
E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre.
Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno.

 Ap 1:13-18

Outra descrição: 

"E vi outro anjo forte, que descia do céu, vestido de uma nuvem; e por cima da sua cabeça estava o arco celeste, e o seu rosto era como o sol, e os seus pés como colunas de fogo;"

Ap 10:1

Confira também Ezequiel 1

O Rei Nabucodonosor também teve uma experiência com anjos, Ele pode contemplar a salvação enviada por Deus a favor dos três jovens na fornalha.


"Respondeu, dizendo: Eu, porém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano; e o aspecto do quarto é semelhante ao Filho dos deuses."

Daniel 3:25


É ponto passivo entre a esmagadora maioria dos cristãos que esse quarto homem é Jesus em mais uma aparição teofanica, mas novamente discordo, para tanto seria necessário que Ele fosse descrito como o "ANJO DO SENHOR" como nas demais aparições.(Gn 16:10, Êx 3:)

Inclusive há alguns louvores que incentivam a adorar o  “ quarto homem da fornalha “. Na dúvida  Eu pessoalmente não aconselho a fazer isso para não acabar pecando por idolatria. ( Ap 22:8-9)


Nota: Lauriete - "O primeiro da fornalha" , Valquíria de Oliveira - "Adore o quarto homem da fornalha"


Anjos são seres assexuados?


Sim. Em sua forma natural, ou seja, espiritual.


"Porque na ressurreição nem casam nem são dados em casamento; mas serão como os anjos de Deus no céu."

Mateus 22 : 30 conf. (Mc 12:25)


 Anjos podem assumir outras formas, mais precisamente a forma humana? 


Sim. Essa também pode ser considerada uma teofania ou se preferir chamar de antropomorfismo.
Na forma humana os anjos são capazes de até mesmo relacionar-se com seres humanos. Para maiores esclarecimentos a esse respeito sugiro a leitura da seguinte postagem:




Alguns versículos que comprovam a teofania : Hb 13:2 , Gn 18:1-4 , Gn 19:1


Anjos têm livre-arbítrio?

Sim. A maior prova disso é Satanás (que era um anjo de luz "Ez 28:13-15") e Seus anjos, que escolheram rebelar-se contra Deus. (Is 14:12-14)

A partir dos versículos supracitados podemos aferir que os demônios são os anjos caídos.Mas para reforçar esse entendimento lancemos mão de mais um versículo.

"E aos anjos que não guardaram o seu principado, mas deixaram a sua própria habitação, reservou na escuridão e em prisões eternas até ao juízo daquele grande dia;"

Judas 1:6

Os anjos e os demônios são organizados?

Sim. Lembrando que TODOS os demônios a princípio eram anjos. (Ap 12:9) Apesar de sua queda permanecem poderosos e organizados como antes de sua queda. Foram destituídos somente de Sua glória e claro da presença de Deus.

anjos - "Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu vinte e um dias, e eis que Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu fiquei ali com os reis da Pérsia. "

Daniel 10 : 13

demônios - "Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais."

Efésios 6:12

Qual  é a habitação dos anjos?

No céu, junto a Deus. Mc 13:32 ,

Qual é a habitação dos demônios?

Muito diferente do que muitos asseveram, não é o inferno e sim as regiões celestiais. Lembrando que há três céus (II Co 12:2)  

"Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais."

Ef 6:12

"Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência."

Ef 2:2

Os demônios têm poder?

Sim, conforme citei, os anjos foram destituídos de glória e não de poder. Os anjos são muito poderosos, sendo assim o que impede que os demônios nos destruam? Os limites que Deus estabelece, Sua vontade soberana, a exemplo a história de Jó, onde primeiramente Satanás teve que receber a anuência de Deus para agir. (Jó 1:12) 
É digno de nota que há duas classes de pessoas: As que temem a Deus e são guardadas por Seus anjos (Sl 34:7), a estás o demônio só toca se Deus permitir. A outra classe são as que não temem a Deus, estás estão sujeitas a Satanás e nesse caso ele é livre para agir.(I Jo 5:19, I Jo 3:10),  A isso se dá o nome de LEGALIDADE.

Para maiores esclarecimentos leia a seguinte postagem: 


Os demônios podem assumir outras formas ?

Sim. Assim como os anjos, ambos têm as mesmas prerrogativas.

"E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz."

II Coríntios 11 : 14


Últimas considerações sobre os anjos:

A lei foi entregue por ordenação dos anjos (At 7:53-1, Gl 3:19, At 7:38) ;

A ceifa será feita pelos anjos (trigo e joio)  (Mt 13:30 e39 , Ap 14:14-20) ;

Eles transitam livremente entre o céu e a terra  (Gn 28:12 ) ;

Há um número incontável de anjos (Jr 33:22) ; 

São os anjos que conduzem a alma dos homens ao paraíso (Lc 16:22) ;

O arcanjo Miguel é o anjo protetor de Israel (Dn 12 : 1 , Dn 10 : 21) ;
 
Os anjos podem se classificar em Serafins (IS 6:2)  , Querubins (Ez 10:1) e Arcanjos (Jd 1:9) ;

Nota: Há os que defendem haver apenas UM ARCANJO, a saber: Miguel, e que o mesmo é Jesus Cristo. Mas essa doutrina não procede.

Para maiores esclarecimentos sugiro a leitura da seguinte postagem:


São citados ainda anjos fortes (Ap 5:2 , Ap 10:1, Ap 18:21) , anjo destruidor  (I Co 21:15, II Sm 24:15-17, Ex 12:23)

Salvo Miguel o único anjo que tem Seu nome revelado na Bíblia é Gabriel - o anjo mensageiro é que assiste diretamente a Deus. (Lc 1:19, Lc 1:26) ;

A tradição judaica e os apócrifos da versão Católica da Bíblia apontam o nome de outros anjos, a saber:

Os arcanjos  Rafael, Uriel, Sariel, Raguel e Remiel

 O substantivo  "anjo" pode ser entendido como uma forma genérica de se referir a qualquer uma das classes angelicais.

Os anjos são seres criados de forma distinta a humana, todos os homens descendem de um único homem (I Co 15:45, Gn 3:20) e uma única mulher, já os anjos foram feitos por Jeová e Jesus , um a um.(Cl 1:16)



Paz e Bem aos que leram.