Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Isaías 9:6

Conclamação

Todos os textos aqui postados são de minha autoria, salvo aqueles em que estiverem as devidas referências bibliográficas e links.
Devemos ser originais em nossas colocações, mas não imaginários e sim embasados tão somente nas sagradas escrituras e respaldados pela lingüística, ciência, história e legislação humana.




Direitos do Blog

O blog Jesus Cristo Príncipe da Paz tem seus direitos respaldados nos incisos IV, VI e IX do artigo 5º da Constituição Federal, abaixo transcritos:



IV – “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato”

VI – “É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos, salvo o dos que contrariem a ordem pública ou os bons costumes.”

IX – “é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença”.



Respalda-se também Lei nº. 9610, de 19/02/1998, que rege o seguinte:

Art. 46: Não constitui ofensa aos direitos autorais:– a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e obra.





O que aconteceu com Elias, o profeta ?

Quase todo mundo que lê o livro de Reis acredita que Elias foi arrebatado por Deus e não experimentou a morte.Isso é comumente pregado nos púpitos cristãos, mas será que esse ensinamento é correto?

Vejamos :

Elias foi profeta durante o reinado do Rei Acabe e depois durante o reinado do Rei Acazias (Reis de Israel)

Durante o reinado de Acazias, Elias foi arrebatado por Deus, em um redemoinho.

Seu sucessor foi o profeta Eliseu.

"E sucedeu que, indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro; e Elias subiu ao céu num redemoinho. "

II Reis 2:11

Vamos aos fatos:

Na sucessão de Acabe (Rei de Israel) , assumiu Acazias.

Josafá (Rei de Judá) reinou no mesmo período que Acabe e depois Acazias (Reis de Israel).

Na sucessão de Josafá (Rei de Judá), assumiu Jeorão.

Na sucessão de Acazias (Rei de Israel) assumiu Jorão.

Por fim , Durante o período do Rei Jorão (em Israel) reinava Josafá e depois reinou Jeorão (ambos em Judá).

E..

O profeta Elias subiu ao céu, no período do Rei Acazias (Rei de Israel) e ainda reinava Josafá em Judá.

A questão é:

Tendo Elias subido ao céu no perído do Rei Acazias (Rei de Israel), como poderia Ele ter enviado uma carta ao Rei Jeorão (Rei de Judá)?

Lembrando que Jeorão assumiu o trono depois de Josafá, quando Elias "subiu", Josafá ainda reinava. Esse intervalo de tempo entre a "subida" de Elias e a carta é de aproximadamente 05 anos.


Epístola essa que tratava de assunto recente (o assassinato dos irmãos de Jeorão). II Cr 21:4

O que não deixa margem de dúvida que a carta jamais poderia ter sido escrita antes do arrebatamento, para ser entregue depois.

Outro aspecto sobre a carta é que inicia como uma repreensão pelos acontecimentos recentes, seguida de uma profecia de maldição contra Jeorão, sua família e seu povo.

"Então lhe veio um escrito da parte de Elias, o profeta, que dizia: Assim diz o SENHOR Deus de Davi teu pai: Porquanto não andaste nos caminhos de Jeosafá, teu pai, e nos caminhos de Asa, rei de Judá, Mas andaste no caminho dos reis de Israel, e fizeste prostituir a Judá e aos moradores de Jerusalém, segundo a prostituição da casa de Acabe, e também mataste a teus irmãos da casa de teu pai, melhores do que tu;"
"Despertou, pois, o SENHOR, contra Jeorão o espírito dos filisteus e dos árabes, que estavam do lado dos etíopes."

II Cr 21:12 , 16

A profecia se cumpriu com a morte de Jeorão, dois anos mais tarde. (II Cr 21:17-20)

"E JORÃO, filho de Acabe, começou a reinar sobre Israel, em Samaria, no décimo oitavo ano de Jeosafá, rei de Judá; e reinou doze anos."

II Reis 3:1

Sucedeu, porém, que, morrendo Acabe, o rei dos moabitas se rebelou contra o rei de Israel. Por isso Jorão ao mesmo tempo saiu de Samaria, e fez revista de todo o Israel.

II Reis 3:5-6

Em suma:

Acabe reinava em Israel e Josafá em Judá ; depois , Acazias em Israel e Josafá em Judá, depois , Jorão reinava em Israel e Josafá em Judá ; depois, Jorão em Israel e Jeorão em Judá.

A partir disso abre-se um precedente:

Elias não foi arrebatado ou transladado, mas sim transportado para uma região segura, para que não fosse morto por Acazia.

Para onde Elias foi transportado? Para o Reino do Sul.

Simples assim: Era profeta no Reino do Norte (Israel) e foi transportado por Deus para ser profeta no Reino do Sul (Judá).

Por isso profetizou contra o Rei de Judá (Jeorão).

Considerações quanto aos fatos:

Narra o evangelho de Mateus que Jesus em compainha de Pedro, Tiago e João , três de seus discípulos mais próximos, subiram o monte (mais tarde conhecido como monte da transfiguração), onde algo sobrenatural ocorrera. (Mt 17:1-9 , Lc 9:28-36 , Mc 9:2-10)

Jesus teria se transfigurado para falar com Moisés e o profeta Elias, acerca de sua iminente morte.

A questão é, sabemos que Moisés estava morto, conforme a narrativa do livro de Josué , logo a transfiguração de Jesus deu a ele subsídios para poder conversar com Moisés no mesmo plano espiritual. (Josué 1:1-2)

Mas e quanto a Elias? Porque seria necessário à Jesus transfigurar-se para falar com Ele também, uma vez que Elias não haveria de ter experimentado a morte física.

Pelo simples fato de que Elias também estava no plano espiritual, em situação igual a de Moisés.



Elias estava morto.

Há quem defenda que ele já havia sido "transformado", de corruptível em incorruptível, de corpo material em corpo espiritual.

Mas há respaldo bíblico para essa assertiva?

Não, não há.

Nos revela Paulo que no arrebatamento da Igreja, e tão somente nesse evento, é que havemos de ser transformados e os mortos em Cristo ressucitados (1º. ressurreição).

E também que carne e sangue NÃO podem herdar o Reino dos Céus.

"E agora digo isto, irmãos: que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção. Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados; Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.
Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade. E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória."

I Co 15:50-54


Logo, homem algum já passou por esse processo de transformação, e Elias certamente não seria excessão.

Como disse o Senhor Jesus : " E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará".

Paz a todos.